segunda-feira, 9 de abril de 2012

Desabafos Ilustrados

Para compor o post dessa conversa de Botequim, peço licença a Quino para dar voz a querida Mafalda.





Como no primeiro post desse blog, todos os textos dos quadrinhos foram baseados em situações reais.

Gostaria de deixar claro que nenhuma produção tem o intuito de desrespeitar crenças religiosas ou qualquer causa humanitária, mas chamar a atenção para a necessidade de percebemos que, quando se trata de direitos humanos, todo problema social deve ser olhado com o mesmo olhar de importância, seja de cunho assistencialista ou de reorganização politica. O fim da discriminação aos homossexuais e a luta pelos seus direitos, e de outros segmentos, a compreensão de que um ideal não se anula por essa ou aquela ação (vivemos em uma realidade capitalista e nos apertamos nela, mas isso não significa que devemos fechar os olhos para as desigualdades proporcionadas por esse sistema e nem naturalizar ideias que tendem a oprimir uma outra perspectiva de mundo), o debate sobre a Reforma Agrária e a discussão sobre o preconceito de classe são alguns pontos (dentre diversos outros) que podem nos direcionar a um mundo que dê gosto a Mafalda e a todos que nele vivem.
E antes que eu me esqueça: não deixe de usar camisinha, caso um filho não esteja nos seus planos. Cuide-se, por mais batido que esse conselho possa ser, nunca é demais :)

Todas as Ilustrações são do famoso cartunista Quino, os textos, incorporados às tirinhas, foram criados por essa autora que escreve.

Um comentário:

  1. Méle,o texto é super pertinente, ainda mais no dia de hj,quando corremos o risco da hipocrisia falar mais alto q o respeito aos direitos humanos.É sempre bom saber que existem pessoas questionadoras como vc!Parabéns pelo texto :)

    ResponderExcluir